Um dos principais benefícios de usar um AVA para ensino on-line é que ele facilita a vida dos professores quando se trata de acompanhar o progresso dos alunos e os resultados da aprendizagem. Um AVA pode fornecer estatísticas e relatórios abrangentes que ajudam os professores a compreender melhor o que está acontecendo com os alunos, o progresso deles nos cursos e os momentos de dificuldade. 

Mas mergulhar de cabeça em todas as ferramentas de estatísticas e relatórios que um AVA tem a oferecer pode gerar muita confusão e frustração para os professores, especialmente para quem está começando.

Embora não haja dúvidas de que um AVA pode fornecer estatísticas muito precisas, os professores não precisam usar todas elas. Eles podem optar por se concentrar apenas em algumas estatísticas principais que farão a diferença nas atividades que realizam. 

Portanto, quais são as principais estatísticas nas quais os professores devem se concentrar?

Cada professor e cada curso são diferentes. Portanto, não há uma abordagem única para todos, mas podemos mostrar algumas das estatísticas mais comuns e úteis em um AVA que oferecem informações relevantes para a maioria dos professores. Vamos dar uma olhada nelas: 

Estatísticas de progresso

Essas estatísticas oferecem informações valiosas sobre o progresso geral dos alunos nos cursos. No nível do curso, uma das estatísticas mais úteis é o tempo que os alunos passam nas lições e seções, porque isso torna mais fácil identificar áreas de melhoria. Por exemplo, se a maioria dos alunos passa muito tempo em uma seção específica em comparação com outras, talvez o conteúdo dessa seção seja difícil demais para eles.

Estatísticas detalhadas sobre o progresso de cada aluno também são úteis. Exemplos desse tipo de estatística são as seções que um aluno concluiu até o momento, quais ainda estão em andamento, a porcentagem de quanto tempo eles ainda precisam para concluir uma aula, etc. Essa é uma maneira excelente de identificar se há alguma seção que os alunos possam estar com dificuldade, como as avaliações que ainda não realizaram. 

Outras estatísticas que você pode querer observar estão relacionadas à atividade diária dos alunos em um curso, incluindo os trabalhos que eles enviaram em um dia, as lições que viram em uma semana, em que dias eles estão mais ativos na aula, entre outras.

Estatísticas de avaliação

É fácil se perder nas estatísticas relacionadas aos trabalhos e, honestamente, você não precisa aprender sobre todas para ter uma boa ideia sobre o que está acontecendo com seus alunos. 

Um bom lugar para começar são as estatísticas gerais de todos os trabalhos de um curso. Talvez você queira dar uma olhada na distribuição das notas, quantos trabalhos ainda precisam ser entregues, quantos precisam ser avaliados e quantos foram enviados em relação ao número total. Por exemplo, usando um AVA, você pode ver uma classificação de todas as pontuações em um curso com base em porcentagens, como 30% dos alunos têm notas entre C e B-, 20% dos alunos têm notas entre B+ e A+ e assim por diante. 

No caso de atividades, é importante observar a média das notas, as menores e maiores pontuações em um trabalho e o número de entregas. Essas métricas podem revelar informações cruciais sobre o progresso dos alunos. Se todos os alunos tiraram A em um trabalho, isso significa que ele estava muito fácil. Por outro lado, se ninguém conseguiu uma pontuação superior a 50% em um determinado trabalho, isso pode significar que ele estava muito difícil. 

Graças à visualização em grade centralizada de todos os alunos, trabalhos e notas, o caderno de notas em um AVA também pode oferecer análises úteis para professores e ajudá-los a identificar áreas problemáticas. Por exemplo, os professores podem ver com facilidade no caderno de notas se muitos alunos ainda precisam entregar um trabalho ou se a média geral do curso está muito baixa. 


Leia mais: Como diminuir a cola nas avaliações on-line


Estatísticas de competências

Se você estiver usando um AVA, talvez já tenha aproveitado os recursos de aprendizagem com base em competências. Essa é uma ótima maneira de avaliar os resultados de aprendizagem dos alunos e como eles estão dominando novos assuntos e tópicos. 

O conceito de competências é bastante simples. Você cria uma lista de competências para um curso ou usa um currículo predefinido e, a seguir, marca as seções e os trabalhos de um curso com as competências que eles devem ensinar e avaliar. Em seguida, você pode acompanhar o progresso dos alunos com base na competência e receber informações claras sobre como eles entendem tópicos específicos.

Em termos de estatísticas, as métricas mais úteis relacionadas às competências são a cobertura de competências e o progresso geral dos alunos em todas as competências. A cobertura de competências mostra como seu curso aborda as competências em relação ao currículo e se alguma competência não está sendo ensinada ou avaliada de modo adequado.

Se o AVA oferece uma visualização em grade de todas as competências, você também pode identificar rapidamente alguma área problemática. Por exemplo, é possível saber se outros alunos também estão com dificuldades em uma competência específica. Em um nível individual, você pode identificar imediatamente as áreas de melhoria para um determinado aluno, como quando um aluno fica abaixo de um determinado limite de competências por várias semanas.

Relatórios integrados e personalizados

Além das estatísticas mencionadas até o momento, a maioria dos sistemas AVA oferece uma seleção de relatórios integrados que tornam o acesso a informações instantâneas sobre vários aspectos relacionados ao progresso dos alunos mais fácil para os professores. Alguns dos relatórios mais importantes são aqueles que geram dados sobre matrícula, conclusão de cursos, trabalhos faltantes e status do curso. Esses relatórios permitem que você tenha uma visão geral do que está acontecendo em uma sala de aula no momento. Por exemplo, um relatório interno útil é aquele que exibe as notas atuais dos alunos e o progresso de conclusão. 

Depois de passar algum tempo usando o AVA, você também poderá começar a usar relatórios personalizados. A geração de relatórios customizados em um AVA é uma ferramenta poderosa que permite que os professores gerem relatórios usando parâmetros definidos por eles. Esses relatórios são melhor usados ​quando você já tem uma experiência com o AVA que te permite identificar as deficiências e as estatísticas personalizadas de que precisa. 

No entanto, os relatórios personalizados são ótimos para acessar estatísticas aprofundadas que, de outra forma, seriam difíceis de obter. Por exemplo, você pode criar um relatório que exiba todos os alunos de todos os cursos que estão entre os 10% melhores de cada curso. Você pode criar um relatório que seja executado semanalmente e mostre todos os alunos de um curso que ainda não enviaram os trabalhos ou um relatório mensal personalizado que mostre as taxas de conclusão do curso apenas para cursos individualizados. As possibilidades são infinitas.

Com os relatórios customizados, você também pode classificar, agrupar e filtrar dados, além de criar vários resultados gráficos. Você pode até gerar alguns relatórios e fixá-los no painel do curso para sempre ter acesso a estatísticas importantes que são atualizadas em tempo real.

Resumo

Abordamos uma visão geral das estatísticas de um AVA mais úteis que os professores podem usar em sala de aula.

Conforme mencionado antes, você não precisa usar todas essas estatísticas, já que cada professor e curso são diferentes. É por isso que elas são divididas em categorias, como progresso, avaliação, competências e relatórios. Em cada categoria, você pode selecionar as estatísticas principais que são relevantes para você como professor. Se você é um iniciante no AVA, comece com apenas três ou quatro estatísticas importantes. Se você é um usuário avançado, experimente os relatórios personalizados. Você é quem sabe. 

É importante lembrar de usar as estatísticas regularmente para melhorar a experiência de aprendizagem dos alunos e ajudá-los a atingir as metas.

Fique por dentro! Manteremos você atualizado com as dicas e recursos EdTech mais valiosos. Inscreva-se e nunca mais perca uma postagem!